Tia Roberta Odontopediatra » Blog Archive » Sobre a esfoliação dos dentes decíduos
10
março
2017
Sobre a esfoliação dos dentes decíduos

Quando a criança atinge a idade de 5 a 7 anos (podendo haver variações pra mais ou menos, por isso é muito importante saber a idade em que ocorreram as erupções dos dentes decíduos), as esfoliações dentárias começam a acontecer! Esse período de transição é muito significativo tanto para a criança como para a família toda, pois afeta a rotina com os cuidados bucais e também o convívio social (quem nunca ouviu o famoso “olha só, ele/ela está cheio (a) de janelinhas!”). Tudo se torna uma novidade, até porque quando a primeira esfoliação inicia, o comum é que várias outras se iniciem também logo depois (muito comum em incisivos).

Dente-de-leite

Os primeiros dentinhos a iniciarem a reabsorção de suas raízes são os incisivos (normalmente os inferiores e depois os superiores, mas podem haver variações que não afetam a normalidade da dentição). O período de reabsorção, desde o seu começo até o fim (que é a esfoliação, ou seja, quando eles saem da arcada dentária), dura em média 3 anos. O processo que “ativa” a reabsorção dos dentes decíduos normalmente se dá por um conjunto de fatores, tais como o desenvolvimentos dos dentes permanentes nos ossos, aumento de força mastigatória devido ao crescimento natural da criança, e perda óssea – este último pode estar relacionado a infecções dentárias, o que muitas vezes, acaba provocando uma esfoliação precoce do dente decíduo em questão.

dente-leite

Algumas vezes, a erupção do dente permanente (normalmente incisivos inferiores passam por este probleminha), antecede a esfoliação do dente decíduo, ocorrendo uma erupção do permanente por lingual (veja a foto abaixo). Isso pode acontecer quando a força do movimento de erupção do decíduo se direciona em sentido mais lingual do que a posição do dente decíduo (lingual significa por trás). Neste caso, o dente decíduo fica sem a força que dá aquela “ajudinha” para ele sair.

shutterstock_202902928

Mas fiquem tranquilas mamães! Se isso está acontecendo ou já aconteceu com o seu filho, saibam que não afeta em nada na normalidade da dentição e desenvolvimento dos dentes, e quando é feita a devida intervenção, ou seja, a remoção do dentinho no consultório, não atrapalha a oclusão dentária dos dentes permanentes. O importante é ficar bem atento quando isso acontecer, e sempre consultar o Odontopediatra de sua confiança para verificar a necessidade de realizar a extração desse dentinho no consultório ou não.







[pulaalegria] (óculos) (triste) (sorrisão verde) (seta) (piscada) (pensativo) (muito triste) (mega feliz) (malvado) (lingua) (interrogação) (idéia) (gargalhada) (feliz) (exclamação) (envergonhado) (doido) (confuso) (como assim) (chocado) (bravo)